Exames em embriões - InVida Medicina Reprodutiva
Menu Menu
InVida Medicina Reprodutiva Em associação com Invida em associação com o Hospital Sírio-Libanês

Exames em embriões



Exames genéticos que detecetam doenças em embriões

O Brasil aprovou, com sua lei de Biossegurança de 2005, o uso de embriões para pesquisa científica. Com isso, juntou-se a outros países que desenvolvem estudos com as chamadas células-tronco embrionárias.

Apenas podem participar destas pesquisas embriões considerados inviáveis, ou seja, que não serão usados para fins de gravidez por apresentarem alterações genéticas que não permitam a vida, e embriões saudáveis que estejam congelados há mais de três anos. O objetivo aqui é evitar que casais se arrependam da doação e precisem recorrer a um novo ciclo se quiserem engravidar de novo.

Faz-se claro também que os diagnósticos pré-implantacionais (PDI ou PGD) devem ser usados apenas para se definir se o embrião tem alguma deficiência, que o impeça de sobreviver. Certamente, para afastar a sombra da eugenia na seleção de embriões.

A lei exige ainda que nunca se produza embriões para fins de pesquisa e que eles não podem ser mantidos em laboratório por mais de catorze dias.

Uma novidade da lei é a permissão para se formar embriões compatíveis com irmãos portadores de doenças congênitas. É feito então o diagnóstico nos embriões para que só os compatíveis e sadios sejam transferidos para a mãe.

O que diz a lei:

Diagnóstico e tratamento de embriões

1 – As técnicas de reprodução assistida podem ser utilizadas acopladas à seleção de embriões submetidos a diagnóstico de alterações genéticas causadoras de doenças;

2 – As técnicas de reprodução assistida podem ser utilizadas para tipagem do sistema HLA do embrião, com o intuito de seleção de embriões HLA-compatíveis com algum filho(a) do casal já afetado por doença, doença esta que tenha como modalidade de tratamento efetivo o transplante de células-tronco ou de órgãos;

3 – O tempo máximo de desenvolvimento de embriões “in vitro” será de 14 dias.